domingo, 4 de janeiro de 2009

Nas pedras também nascem flores

Deixa que eu passe por aqui meu amor
Quero passear na areia fina e branca que nos viu
Venho ver as pedras no mar onde nasce uma flor
Neste lugar onde nasceu o que o teu coração sentiu.

Não sou aqui um homem indiferente
Nunca me peças o que não sei
Aconteceu um beijo longo de repente
Neste lugar onde agora eu passei.

Escrevo a minha memória hoje lida
Lembro o que me é feliz recordação
Sempre te quis neste lugar querida
Nunca te tirei o meu coração.

Deixa que eu passe por aqui meu amor
Que recorde os beijos ao sol torrado
Serei a voz no mar do mais belo cantor
Que canta o que um homem te tem amado.

10 comentários:

Sonia Schmorantz disse...

Dizer o que de uma linda declaração de amor...
Uma boa e iluminada semana para você

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

Só passando para te desejar uma bela semana. Lindo poema
Abraços

Xana disse...

foi através do blogue do nosso amigo aqui em cima que cheguei aqui , e estou muito contente por o ter feito.
Lindo o seu poema . Se quizer me visitar estarei á sua espera.
Boa semana

Eu disse...

Lindo mesmo!Parabéns!
Abraços

EternaApaixonada disse...

*****

Vim do blog "Uma página para dois" onde li seu lindo poema.
Gostei do seu espaço, muito aconchegante! Parabéns!
Voltarei para ler seus posts com calma e já adicionei seu blog para acompanhar.
Que o Ano Novo lhe traga muita inspiração, alegria e amor em seu coração!
Uma ótima semana!
Caso queira conhecer meus blogs, será bem vindo!
Beijos

Sintonias do Coração

ETERNOS SONHARES

Coisas da Helô ©

*****

mfc disse...

Arriscamos muito ao voltarmos onde fomos felizes!

Anônimo disse...

Lindo..........

Um beijo d´el@

paopbocca disse...

post dedicado à Paula Raposo.
Ler com atenção.
uma prenda para ela noutro blog.
obrigado Pela atenção
O post é grande é importante que se leia até ao fim
küss ich

Nilson Barcelli disse...

E das tuas mãos nasce poesia muito boa.
Se eu soubesse, compunha uma canção para este poema.
Abraço.

Xana disse...

Bom fim de semana. ^^